Escavação de passagem subterrânea do Túnel de Taguatinga está em fase final

São 170 metros de escavação invertida, deixando dois metros de segurança. Após a finalização, prevista para domingo (22), começam os trabalhos de drenagem e concretagem Adriana Izel, da Agência Brasília | Edição: Carolina Lobo

Escavação de passagem subterrânea do Túnel de Taguatinga está em fase final

A escavação invertida será concluída no chamado Túnel 2, a passagem subterrânea sul para carros no Túnel de Taguatinga. A previsão é de que o trabalho termine neste domingo (22). As escavadeiras e retroescavadeiras estão retirando a terra até atingir 170 metros, chegando, assim, ao perímetro da fase 3, onde foram confeccionadas as lajes de fundo. Com a finalização da escavação invertida, o solo será regularizado e compactado, ganhará drenagem e será instalada a armação de laje de fundo. Tudo isso para que seja iniciada a concretagem da pavimentação rígida, a ser feita a cada 23 metros | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília “Estamos fazendo a escavação de rebaixamento, deixando dois metros de segurança até a cota da laje final. Quando atingirmos, vamos voltar no sentido inverso executando a laje de fundo. Esse serviço vai acontecer tanto no túnel sul, quanto no norte”, revela o mestre geral da obra da empresa Eterc, Carlos Miguel Sidreira. Carlos Miguel explica: “Estamos fazendo a escavação de rebaixamento, deixando dois metros de segurança até a cota da laje final. Esse serviço vai acontecer tanto no túnel sul, quanto no norte” Com a finalização da escavação invertida, o solo será regularizado e compactado, ganhará drenagem e será instalada a armação de laje de fundo. Tudo isso para que seja iniciada a concretagem da pavimentação rígida, a ser feita a cada 23 metros. “Quando atingirmos a cota, vamos voltar concretando a cada 23 metros. Primeiro você escava e depois volta concretando. Depois disso tem as barreiras de contenção do tipo New Jersey, que protegem as paredes e as canaletas que recolhem água”, afirma o fiscal da Secretaria de Obras, Antonio Carlos Ribeiro Silva. Leia também Segurança do motorista é prioridade no Túnel de Taguatinga Túnel de Taguatinga terá paredes impermeáveis e sustentáveis Antes da escavação, foram feitas 1.066 metros de lamelas (paredes de diafragmas) para suportar o túnel e a laje de cobertura. Todo o material da escavação invertida é reaproveitado em outras fases da obra, como a compactação do boulevard e da pista do BRT. Com 70% de andamento, as obras do Túnel de Taguatinga contam com cerca de 400 operários envolvidos na construção, sendo considerada a maior obra viária em execução no Brasil. O investimento é de R$ 275 milhões.