Justiça nega pedido liminar do PSB e mantém torcida em jogo do Flamengo

A partida ocorrerá nesta quarta-feira (21/7), no Estádio Mané Garrincha, com a possibilidade de 25% do público no estádio

Justiça nega pedido liminar do PSB e mantém torcida em jogo do Flamengo

O juiz de direito da 4ª Vara de Fazenda Pública do DF negou pedido liminar do Partido Socialista Brasileiro (PSB) contra a presença de público na partida da Libertadores no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, nesta quarta-feira (21/7). Segundo exposto na inicial, a realização do jogo, permitida por meio de decreto e com lotação restrita de 25% da capacidade máxima do estádio, poderia propagar o coronavírus. Assim, o PSB pediu cancelamento do decreto ao afirmar que a negociação do DF para liberação de público havia sido “pouco ortodoxa”. No entanto, a Justiça entendeu que medidas como a restrição de público, a exigência de exame PCR 48 horas antes da partida ou comprovante de vacinação contra a Covid-19, além de outras medidas, atende aos requisitos sanitários necessários para o período de pandemia. PUBLICIDADE Mais sobre o assunto estadio mane garrincha futebol jogo bola Grande Angular Justiça mantém decreto de eventos esportivos e autoriza jogo do Flamengo em Brasília Distrito Federal Ministério Público vistoria estádio para jogo do Flamengo em Brasília estadio mane garrincha futebol jogo bola Futebol Flamengo vende apenas 5 mil ingressos para jogo no Mané Garrincha Futebol Laboratórios de Brasília fazem plantão por jogo do Flamengo na Liberta “Em relação à alegação de que a presença de torcedores atenta contra a saúde dos cidadãos, vale destacar que a autorização para ingresso no estádio é condicionada ao atendimento de diversos requisitos, como apresentação de teste negativo para Covid-2019 realizado com, no máximo, 48 horas de antecedência; e apresentação de comprovante de vacinação”, afirmou o juiz na decisão publicada às 17h26, menos de três horas antes da partida. Ao indeferir o pedido liminar, o magistrado ainda alegou: “Nesse quadro, as alegações do requerente, em princípio, não se mostram relevantes a ponto de evidenciar a nulidade dos decretos em questão, devendo-se preservar a validade do ato normativo.” O jogo entre Flamengo e o argentino Defensa y Justicia, válido pela Copa Libertadores, está agendado para as 21h30. Outra decisão Também nesta quarta-feira (21/7), a 4ª Vara da Fazenda Pública do Distrito Federal manteve o decreto que permite a realização de eventos esportivos com a presença de público na capital federal. conteudo patrocinado (Fotos) 21 celebridades que são gays que você provavelmente não conhecia FLIGHTS10 (Fotos) 21 celebridades que são gays que você provavelmente não conhecia [Photos] Aqui está o quanto dinheiro Xuxa recebe mensalmente CASH ROADSTER [Photos] Aqui está o quanto dinheiro Xuxa recebe mensalmente Conquiste cada vez mais espaço no mercado de transporte de cargas. Participe do Quiz FreteBras FRETEBRAS Conquiste cada vez mais espaço no mercado de transporte de cargas. Participe do Quiz FreteBras Em decisão da juíza Indiara Arruda de Almeida Serra foi indeferido pedido de liminar apresentado por um advogado para suspender o decreto distrital e, consequentemente, impedir a partida em Brasília. A magistrada entendeu que não há qualquer prova de flagrante ilegalidade, no ato do GDF, que justifique a intervenção do Poder Judiciário no Executivo local.