Corpo decapitado é encontrado em Ceilândia

O responsável pelo homicídio, identificado como Antônio Francisco Batista, era integrante do Comando Vermelho e foi morto nessa quarta-feira, durante um confronto com militares de Goiás

Corpo decapitado é encontrado em Ceilândia

Darcianne Diogo postado em 08/07/2021 20:56 Moradores encontraram cabeça decapitada em praça - (crédito: Material cedido ao Correio) Moradores encontraram cabeça decapitada em praça - (crédito: Material cedido ao Correio) Um corpo decapitado foi encontrado, nessa quarta-feira (7/7), em uma região de mata, na QI 22, no Setor de Indústria de Ceilândia. A polícia acredita que a vítima seja Randerson Maximo Barbosa, o mesmo que teve a cabeça encontrada em uma praça de Águas Lindas (GO) — distante cerca de 48km de Brasília. Na noite de sexta-feira (2/7), moradores que passavam pela praça Santa Lúcia, no município goiano, se deparam com uma cabeça. A perícia da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) esteve no local. A vítima foi identificada como Randerson Máximo, natural do Pará. Ao Correio, o delegado Cléber Martins, titular da 17ª Delegacia Regional de Polícia (DPR), afirmou que o corpo encontrado em Ceilândia tinha tatuagens condizentes com os nomes de parentes de Randerson. “Estamos aguardando o laudo do Instituto de Medicina Legal para nos dar uma resposta”, finalizou. Criminoso morto O responsável pelo homicídio foi morto nessa quarta-feira, durante um confronto com policiais militares da Rotam de Goiás. O criminoso era integrante do Comando Vermelho (CV), facção oriunda do Rio de Janeiro. Segundo a PMGO, os policiais foram recebidos a tiros e precisaram revidar. O criminoso chegou a ser encaminhado ao hospital, mas não resistiu e morreu. Foram apreendidos uma pistola .40 e três munições intactas. Tags